Blogger templates

traduzir para inglêsTraduzir para Espanholtraduzir para françêstraduzir para alemão

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Lombinho de Porco Preto com Molho de Tangerina























500 g de lombinho de porco preto (usei da marca Paladares Alentejanos)
Sumo de limão q.b.
Sal q.b.

Molho de Tangerina:
30 ml de vinho do Porto branco (usei o Porto Fine White da Quinta do Estanho)
1 cebola 
4 dentes de alho
1 colher de sopa de mel
40 ml de azeite
Sumo de 2 tangerinas
2/3 c. chá de pimentão doce (usei da marca Margão)
1 pitada de pimenta (usei da marca Margão)
Tomilho fresco q.b.
Sal q.b.

Puré de Maçã Aromático:
500 g de maçãs Royal Gala (já descascadas e sem caroço)
30g de manteiga (usei da marca Terra Nostra)
2 c. sopa de vinho branco
Pimenta branca q.b.
1/2 pau de canela (usei da marca Margão)



Comece por temperar os lombinhos com sal e sumo de limão e deixe-os marinar por 3 horas (ou durante a noite).
Pré-aqueça o forno a 180ºC e prepare o molho de tangerina, juntando, num pequeno recipiente, todos os ingredientes com exceção do sal e do tomilho. Misture muito bem para obter um molho homogéneo, se necessário aqueça-o para misturar melhor.
Coloque a carne num tabuleiro refratário e regue-a com o molho que preparou, adicione um pouco mais de sal e polvilhe com algumas folhas de tomilho.
Leve ao forno e, enquanto assa, vá regando com o molho para que este não seque.
Quando estiver quase assado, parta-o em fatias e regue com o restante molho. Leve ao forno por mais 10 minutos e sirva com o puré de maçã.

Puré de Maçã Aromático:
Descasque as maçãs, retire o caroço e corte-as em pedaços. 
Leve ao lume a manteiga, deixe-a derreter e junte-lhe o pedaço de canela. Acrescente os pedaços de maçã, mexa e envolva bem, deixando cozinhar, assim, durante 3 minutos. Retire o pau de canela, regue com o vinho branco, mexa bem, tape e deixe cozer a maçã em lume brando até que esta se desfaça. Por fim, tempere com pimenta branca e sirva.




Para acompanhar esta entrada, recomendo:


Tinto DOC 2011 - Quinta do Estanho


É um vinho do Douro tinto, produzido a partir das castas Touriga Francesa, Tinta Roriz, Barroca e Mourisco.
Vinificado em lagares de granito com curtimenda prolongada e envelhecido em cascos de carvalho durante três anos.

Aroma complexo a frutos vermelhos, estando bem presente o aroma redutor do envelhecimento em garrafa, que começa a sobrepor-se à madeira bem integrada. Na boca revela-se excelente, macio e complexo, com taninos redondos e tem um final de boca persistente.





Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação desta entrada.

O meu muito obrigada à Paladares Alentejanos, Terra Nostra, Margão e Quinta do Estanho pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram






domingo, 25 de janeiro de 2015

Parceria com Escrinho - Produtos Regionais de Portugal







É como muito gosto que informo, a todos os que me visitam, acerca da parceria entre o Nárwen's Cuisine e a Escrinho
Esta é uma empresa, sediada em Oeiras, que tem como objetivo promover e divulgar produtos portugueses de excelência, nomeadamente os transmontanos.

O objetivo primordial da loja, consiste na promoção e divulgação de PRODUTOS PORTUGUESES de EXCELÊNCIA, desconhecidos do grande público, ajudando os produtores a escoá-los.
Os produtos que a Escrinho comercializa são alguns dos melhores produtos da Região de Trás-os-Montes, a preços muito competitivos.

Estes produtos foram minuciosamente selecionados, com critérios sérios de exigência qualitativa em toda a cadeia de produção, e ainda, recorrendo a entidades com competências de controlo e certificação, tais como: Ministério da Agricultura, SATIVA, Tradição & Qualidade e laboratórios independentes. Consequentemente, a comercialização de alguns destes produtos, sabonetes naturais com leite de burra, irá contribuir ativamente para a Preservação da Biodiversidade e Conservação do Património Genético, contribuir para a preservação social de muitos usos e costumes, associados à espécie ameaçada de extinção, Burro Mirandês, raça autóctone.


Os produtos que a Escrinho tem ao seu dispor são os seguintes:



Azeite
O Azeite Virgem Extra, Casa dos Pradas, cujas azeitonas são colhidas no Norte de Portugal, Região de Trás-os-Montes, na Terra Fria Transmontana, abrangendo os municípios de Bragança, Vimioso, Macedo de Cavaleiros, Mogadouro e Miranda do Douro, é concebido por extracção mecânica a frio, a partir das mais nobres castas, tais como a Santulhana, a Madural e a Cordovil, conserva assim, todas as propriedades que o transformam na mais nobre gordura alimentar e num produto natural por excelência.
Azeite de categoria superior obtido directamente de azeitonas, unicamente por processos mecânicos.

Acidez ≤ 0,5 % 
Produto 100% natural sujeito a depósito.



Fumeiro
Confeccionado com a melhor selecção de carnes de porco da região, este fumeiro tem uma particularidade única que o distingue dos demais, as carnes ficam 3 dias a marinar em água d'alhos. Uma curiosidade, nesta região (Miranda do Douro) não se usa vinho para temperar as carnes. Por último, coloca-se o fumeiro ao fumo por um período nunca inferior a 8 dias. Nesta região existe um enchido único, o butelo. É feito com carne e osso da ponta da costela. É magro e muito apreciado pelos turistas que nos visitam.

Enchidos disponíveis; Alheira Mirandesa, Butelo Mirandês, Chouriça Mirandesa, Salpicão Mirandês




Queijos
Queijos Transmontanos de cabra ou de ovelha com características únicas!

Queijos disponíveis:

- Queijo de Cabra Transmontano - fresco
- Queijo de Cabra Transmontano DOP de 2, 12 ou 18 meses de cura
- Queijo de Cabra Transmontano Apimentado de 2, 8 ou 21 meses de cura
- Queijo de Ovelha Terrincho DOP - 2 ou 3 meses de cura

Queijo de Cabra Transmontano - DOP  é medalha de OURO 2012, repetindo a conquista de 2011.




Mel

Mel do Parque Natural de Montesinho - É um mel de zona de Montanha, multifloral, produzido na área dos Concelhos de Bragança e Vinhais, onde se encontram predominantemente manchas de Carvalho Negral e Castanheiro, para além da existência de muitas lamas com Freixos, e junto às linhas de água: Salgueiros e Amieiros, e também múltiplas plantas silvestres de importância apícola. Nas áreas das matas a vegetação é representada pelas urzes, carquejas, arçãs e estevas.
O Agrupamento de Produtores de "Mel do Parque", Lda., comercializa o "Mel do Parque de Montesinho" – DOP (Denominação de Origem Protegida) e MPB (Modo de Produção Biológico) de acordo com os princípios regulamentados pelas normas europeia e nacional.

Produtos disponíveis; Mel e creme de Corpo natural à Base de Mel

Licor - Vinho - Espumante

Licores:
- Licor de Abrunho, Amora Silvestre, Casca de Noz Verde, Castanha e Ginja

Vinhos:
- Vinho D.O.C. Ribeira do Corso Branco e Tinto
- Vinho Lhéngua Mirandesa (Regional) Branco, Rosé e Tinto
- Vinho Pauliteiros Branco, Rosé e Tinto
- Vinho Montes Ermos Branco Reserva, Rosé e Tinto

Espumantes:
- Espumante Terras do Demo Bruto, Branco, Tinto e Rosé
- Espumante Vértice Millésime



Cutelaria

Cutelarias de Palaçoulo - Miranda do Douro, consigo desde 1870. O saber de várias gerações!

A Escrinho tem disponíveis diversos produtos de cutelaria transmontana, nomeadamente facas e navalhas de variados tamanhos e feitios.







Produtos com Leite de Burra

Segundo diversos estudos cientificos, o Leite de Burra é um leite rico em vitaminas e ácidos gordos essenciais, muito semelhante ao leite materno dos humanos.
Apresenta um conjunto de interessantes caraterísticas para a cósmética. Contém variados ácidos gordos insaturados e inúmeras vitaminas (A, B2, C e E) e ácidos Ómega 6 que são altamente apreciados em cosmética. As vitaminas C e E desempenham um importante papel anti-oxidante que favorecem o retardamento do processo de envelhecimento da pele. Além disso, contribuem ainda, acelerando os mecanismos de cicatrização e garantindo a estabilidade das estruturas celulares.

Todos os sabonetes CLEO, contém Leite de Burra em estado líquido, contribuindo para a hidratação, regeneração e redução dos efeitos de envelhecimento da pele.



Para fazer as suas encomendas, basta registar-se no site da Escrinho, clicando aqui.

Aproveite também e visite a loja:

ESCRINHO - Produtos Regionais, Lda

R. Sebastião Arriaga, 30 1º. esq.
2760-140 Caxias
Oeiras - Lisboa
Portugal
Aberto de Segunda a Sábado das 9 ás 19

E faça um "gosto" na sua página no facebook clicando aqui, deste modo ajudará a divulgar os nossos melhores produtos transmontanos. 


Para finalizar, vou mostrar algumas fotografias com os fantásticos produtos que a Escrinho teve a gentileza de me oferecer. 

Posso dizer que, ao abrir a embalagem enviada, fiquei logo rendida ao seu aspeto e visível qualidade. São realmente produtos excecionais !
Não ficou com água na boca?
Adquira os seus aqui!








O meu muito obrigada à Escrinho pela simpatia e pelos produtos fantásticos que me enviaram. 

Por fim, posso dizer que é de louvar a qualidade destes produtos e que estou desejosa de fazer receitas com eles para, mais tarde, partilhar convosco.



Parceria com Abóbrinhas :: Tupperware





Hoje venho falar-vos de produtos essenciais para a nossa cozinha com uma qualidade incomparável.
Refiro-me aos produtos Tupperware, fabricante multinacional de utensílios de plástico para cozinha.

Um dos melhores grupos que representam a marca em portugal, é o Abóbrinhas, onde poderá encontrar todos os produtos da marca a preços incríveis.

Convido-o a visitar a página do facebook do Abóbrinhas para ficar a par de todos os produtos e das fantásticas promoções que são frequentes. Para encomendas, é só contata-los, pois é um grupo de total confiança.

Para adquirir estes fantásticos produtos, contate o Abóbrinhas por mensagem através do facebook, clicando aqui.






Aproveito também para mostrar os fantásticos produtos que o Abóbrinhas me enviou.
São produtos fantásticos, de qualidade visível e que serão muito úteis na preparação das minhas receitas.



Espátula de Silicone













É ótima para misturar ingredientes e melhor ainda para retirar a massa dos recipientes, sem desperdiçar nada e facilitando muito o seu trabalho. Ela mostra a sua eficiência até para raspar os cantinhos mais difíceis de tigelas e panelas.



Colher Misturadora












Este é um utensílio de cozinha que faz falta a todos as casas. Depois de experimentar a colher misturadora nunca mais vai utilizar a colher de pau para misturar/envolver massa ou ingredientes. Com este utensílio é muito fácil e rápido misturar quaisquer ingredientes em poucos segundos, ficando um preparado homogéneo. E se houver torrões de açúcar ou grumos de farinhas? Facilmente ele os desfaz.



Toalha de Silicone


Esta toalha de silicone é imprescindível para quem gosta de pastelaria, sendo ideal para pizzas, biscoitos, pão, brownies, barritas de peixe no forno, scones... enfim, uma infinidade de coisas.

Esta toalha encaixa perfeitamente no seu tabuleiro de formo (dimensões: 31 x 35cm) e, sem ser necessário adicionar farinha, pode confecionar os mais variados biscoitos ou pães, sem que queimem por baixo ou colem.
Com este produto acaba o processo de retirar o papel vegetal que tanto se cola aos seus pães e bolachas... e ainda melhor, não desperdiça dinheiro a compra-lo e é amigo do ambiente.


A Toalha de Silicone tem ainda a vantagem de indicar diversos diâmetros de um lado e, no verso, indicar linhas como se fosse uma régua.





Aproveite esta época de saldos e promoções e adquira no Abóbrinhas produtos Tupperware a preços inacreditáveis.









Gostou de algo?
Contate o Abóbrinhas por mensagem através do facebook, clicando aqui.




O meu muito obrigada à Abóbrinhas pela simpatia e pelos produtos fantásticos que me enviaram. 

Por fim, posso dizer que é de louvar a qualidade destes produtos e que estou desejosa de fazer receitas com eles para, mais tarde, partilhar convosc




O Meu Primeiro Gumelo :: Parte I






Numa anterior publicação falei-vos da Gumelo; uma empresa de Almeirim que criou a fórmula que permite produzir cogumelos a partir da borra de café.



A Gumelo teve a gentileza de me enviar o kit " O Meu Primeiro Gumelo"
Este kit, existente em duas versões - para menino e menina, foi criado para crianças e é uma forma ecológica, muito fácil e divertida de produzir cogumelos em casa.

Com O Meu Primeiro Gumelo estão incluídos; lápis de cor, vaporizador, instruções e um para que os adultos possam acompanhar as crianças e tirar o máximo partido pedagógico desta experiência.





Numa primeira fase a criança é convidada a colorir a caixa do Gumelo, em que poderá explorar a sua criatividade utilizando os lápis de cor enviados no kit.
Como não tenho filhos, pedi a sua simpática menina para pintar o O Meu Primeiro Gumelo e ela adorou a experiência.






Para entrar nesta fantástica viagem, tudo o que tem de fazer é abrir a caixa, destacando a janela pelo picotado. A janela deve ser removida na totalidade.
Com a ajuda de um objeto cortante, fazer um golpe em forma de X no plástico exposto na embalagem.
Existem duas camadas de plástico que devem ser cortadas mas não removidas, pois ajudam a preservar a humidade.
Colocar o O Meu Primeiro Gumelo numa zona com luz mas sem exposição direta ao sol. Encher o vaporizador de água e vaporizar duas vezes por dia. Bastam duas a três borrifadelas em cada vaporização.





E agora é só esperar que cresçam...

Ao longo dos próximos dias, pretendo fazer uma reportagem fotográfica da evolução dos cogumelos, mostrando a beleza do seu crescimento. 
Para acompanhar esta fantástica viagem, basta seguir todas as publicações que farei acompanhando o desenvolvimento dos cogumelos do O Meu Primeiro Gumelo.

Para adquirir esta fantástico produto entre no site da empresa, clicando aqui.




Muito obrigada à Gumelo pelo kit O Meu Primeiro Gumelo que me enviaram, adorei o conceito e estou a adorar a experiência.



Parceria com Gumelo :: O Meu Primeiro Gumelo







Gumelo é uma empresa de Almeirim que criou a fórmula que permite produzir cogumelos a partir da borra de café. 
Devidamente compactado numa gira embalagem em cartão, nascem cogumelos, no espaço de 10 a 20 dias. Para que isso aconteça, basta seguir as instruções que se resumem a destacar uma janela e vaporizá-la duas vezes por dia com água, sendo essencial que a mesma esteja num local iluminado mas sem luz solar directa.




João Cavaleiro (biólogo), Tiago Marques (designer de comunicação) e Rui Apolinário (licenciado em ciências farmacêuticas), são estes os três fundadores da Gumelo. 
Foi durante o percurso académico em biologia, que João Cavaleiro começou a desenvolver um interesse particular pelos cogumelos. Este, resolveu tentar por si próprio criar uma fórmula que permitisse produzir cogumelos a partir da borra de café. Depois de mais de dois anos de pesquisa intensa e muitas experiências, conseguiu criar um substrato estável para produzir cogumelos, constituído exclusivamente por borra de café. A meio deste processo, João percebeu que a sua descoberta poderia ser o ponto de partida para um projecto empresarial e começou a procurar apoios para a criação de uma microempresa.
Foi assim que o Apoiar Micro, um programa de incentivo à criação de microempresas na Região de Santarém e promovido pela Nersant, se tornou a rampa de lançamento para a Gumelo. 
Entretanto, em Janeiro de 2011, Tiago Marques juntou-se a este projecto. A sua experiência em design de comunicação e marketing viria a ser muito útil na definição de uma estratégia global para a introdução do Eco Gumelo no mercado.

Em Abril de 2011, a Gumelo era já uma marca registada e os primeiros protótipos da embalagem começaram a ser testados. Durante o Verão, Rui Apolinário juntou-se aos dois amigos trazendo consigo uma ampla visão de gestão administrativa e financeira que seria estruturante para a criação da empresa. A 20 de Janeiro de 2012, a Gumelo foi formalmente constituída como empresa e começaram os trabalhos de adaptação de uma antiga taberna do início do século XX.


Ao adquirir o kit Gumelo obtém uma forma fácil, divertida e ecológica de produzir cogumelos em casa. Para isso, é apenas necessária a borra de café que está armazenada no interior da caixa. Desta forma, dizem os mentores do projecto, criar este cogumelo é transformar o que era desperdício num alimento de alto valor nutritivo. Ao mesmo tempo, durante o processo de crescimento do cogumelo, a borra de café torna-se num resíduo biodegradável de impacto reduzido. 


A Gumelo teve a gentileza de me enviar o kit " O Meu Primeiro Gumelo"
Este kit, existente em duas versões - para menino e menina,  foi criado para crianças e é uma forma ecológica, muito fácil e divertida de produzir cogumelos em casa.

Com O Meu Primeiro Gumelo estão incluídos; lápis de cor, vaporizador, instruções e um  para que os adultos possam acompanhar as crianças e tirar o máximo partido pedagógico desta experiência.





Explorar a Criatividade
Primeiro que tudo, a criança terá a oportunidade de colorir a caixa do Gumelo,em que poderá explorar a sua criatividade utilizando os lápis de cor enviados no kit.


Educar para a Responsabilidade
Com O Meu Primeiro Gumelo, a criança terá a responsabilidade do seu desenvolvimento e perceberá que quanto mais nos dedicamos, melhores resultados obtemos. Assim, ficamos mais autoconfiantes e inspiramos mais confiança nos outros.


Sensibilizar para a Ecologia
Com a experiência do O Meu Primeiro Gumelo. a criança será sensiblizada para a proteção do meio ambiente, para a sustentabilidade, para o contacto responsável com a natureza é uma tarefa de particular importância. O Meu Primeiro Gumelo permite a produção ecológica de cogumelos, usando apenas borra de café como substrato.

Estimular o gosto pela Ciência
A expetativa e o interesse gerados durante o desenvolvimento do Meu Primeiro Gumelo, levam a criança a colocar questões cujas respostas encontrará experimentando e observando os resultados de forma sistemática. Permitindo o crescimento de um ser vivo tão interessante, o Meu Primeiro Gumelo desperta na criança a vontade de conhecer mais sobre o mundo dos cogumelos e sobre a Natureza em geral.


Despertar para os Sabores
O Meu Primeiro Gumelo permite à criança o contacto com um novo alimento, acrescentando valor ao seu leque de descobertas. Um alimento fresco, sem conservantes, sem aditivos e, por isso, pleno de sabor.


Promover uma Alimentação Saudável
É de pequenino que se aprende a comer bem! O Meu Primeiro Gumelo produz cogumelos da espécie Pleurotus ostreatus de elevado valor nutritivo e funcional. Sendo ricos em proteínas e com baixo teor em gorduras, o seu consumo regular ajuda a reduzir o colesterol, a combater a obesidade, a prevenir doenças cardiovasculares e a reforçar o sistema imunitário. São uma excelente alternativa a outros produtos ricos em proteína como a carne, o peixe e os laticínios, contribuindo para uma dieta equilibrada.





Ao longo dos próximos dias, pretendo fazer uma reportagem fotográfica da evolução dos cogumelos, mostrando a beleza do seu crescimento. 
Para entrar nesta fantástica viagem, basta seguir todas as publicações que farei acompanhando o desenvolvimento dos cogumelos do O Meu Primeiro Gumelo.

Para adquirir esta fantástico produto entre no site da empresa, clicando aqui.




Muito obrigada à Gumelo pelo kit O Meu Primeiro Gumelo que me enviaram, adorei o conceito e vou adorar a experiência.



sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Parceria com Quinta do Estanho ::: Relembrar








Hoje venho relembrar uma parceria estabelecida pelo Nárwen's Cuisine há mais de um ano, faço isto, porque a Quinta do Estanho é uma marca de qualidade superior com produtos fantásticos.
Esta é uma empresa de cariz familiar situada na margem do Rio Pinhão que produz vinho do Douro, Porto e bagaceira velha.




Consta que, o Douro teve fama arqueológica anterior à vinhateira. De facto, passaram por esta região povos que descobriram a riqueza do subsolo e exploraram ouro e estanho que não só eram abundantes, como podiam ser extraídos por meios rudimentares, em uso nos tempos proto-históricos.
Do estanho ao vinho foi um passo e na margem esquerda do rio Pinhão, reconhecidamente ancestral, fica a "Quinta do Estanho", conhecida pelo nome do mineral que aí proliferava. Depois de explorado o subsolo, passou-se ao cultivo da vinha.
Nesse tempo, foi com grande esforço, que se desbravaram encostas escarpadas, construíram socalcos e plantaram videiras de castas nobres que, graças a um microclima favorável e a uma altitude de 300 metros, produzem néctares dignos de levarem a "Quinta do Estanho" a ser incluída na primeira demarcação de "Vinhos de Feitoria". Esta apelação foi concedida em 1757 por Sebastião José de Carvalho e Melo, "Marquês de Pombal" e Primeiro Ministro de El-Rei D. José I.
Infelizmente, nesse bom tempo, abateu-se sobre a região a praga da filoxera. Esta, destruiu tudo, semeando tristeza e desalento na outrora faustosa quinta, onde hoje só restam, em estado de ruínas, uma casa e uma adega. São estes edifícios que, na actualidade, servem de logótipo aos produtos da Quinta.
Já no segundo quartel deste século, Jaime Acácio Queiroz Cardoso, advogado, regressa do Brasil e, imbuído da ancestral tradição familiar do cultivo da vinha e da produção vinícola, chama a si a reconversão da propriedade. Com pulso forte e muitos sacrifícios, tem vindo a reconstruir a "Quinta do Estanho". Tem-lhe dado o perfil que hoje mostra, mecanizando-a e plantando castas seleccionadas: Touriga Francesa, Tinta Roriz, Tinta Barroca e Mourisco para os vinhos tintos; Malvazia Fina, Malvazia Grossa, Gouveia e Rabigato para os vinhos brancos.E, para que a tradição não se perca, já está a iniciar os seus filhos na arte de bem cultivar e produzir os já afamados vinhos "Quinta do Estanho". 


A Quinta do Estanho situa-se na margem esquerda do Rio Pinhão, a uma altitude média de 300 metros e produz vinhos de qualidade louvável há várias gerações. 
O seu proprietário, Jaime Acácio Queiroz Cardoso, em 1987 tornou-se no segundo Produtor – Engarrafador – Exportador de todo o Douro, vendendo os seus Vinhos directamente para o mercado nacional e Internacional.

A Quinta do Estanho, tornou-se numa das primeiras empresas do sector, lançando, em 1987, os vinhos do Porto 20 Anos e Old White Special. 
Em 1988, lançou o seu primeiro Vinho do Douro. V.Q.P.R.D. Tinto 1985 e a crítica, ao mesmo, não poderia ser melhor. 
E, tudo isto, apostando na qualidade dos seus vinhos, elaborados segundo métodos tradicionais com pisagem a pé em lagares de granito com curtimenta prolongada, selecção de castas, etc...
Em 1990, motivado pela boa aceitação de seus vinhos e com o desejo de expansão, adquiriu a Quinta dos Corvos, situada na margem oposta do Rio, com 25 ha e uma qualidade comprovada dos vinhos aí produzidos. 
Em 1992 foi aprovado o seu primeiro Vintage – 1989, classificado como "muito bom" pelo I.V.P.. Desde então, e dada a qualidade sólida de seus vinhos, aprovou também, os de 1990, 1991, 1994, 1995, 1996, 1997, 1998 e 2000. 

Em 1997 foi lançada a primeira versão do site da empresa (http://www.quintadoestanho.com/). E, no ano seguinte, deu-se inicio à participação em concursos de reconhecida credibilidade. Desde então, a Quinta do Estanho, foi galardoada com 104 prémio de qualidade.

No ano 2000 ainda foram lançados os seus primeiros Douros topo de dama, o Varietal, Quinta do Estanho Tinta Roriz 1999 e o Reserva 1989, seguindo-se os Tinta Roriz 2000 e Reserva 2000 e 2001, premiados e muito bem cotados na imprensa.

Nos dias de hoje, a Quinta do Estanho, permanece com o cariz familiar que a tem motivado a crescer. 
Estando presente em países como E.U.A, Canadá, Espanha, França, Holanda, Alemanha, Irlanda, Suiça, Noruega, Itália, Bélgica, Dinamarca, Sérvia e Brasil.

A aposta na qualidade mantém-se e o desejo de crescimento continua vigente em toda a família.
A empresa tem como objectivos, alargar a sua presença no mercado externo, consolidar a sua presença no mercado interno, nomeadamente no que concerne a empresas e instituições e continuar, merecidamente, a receber prémios de qualidade. (texto adaptado de http://www.quintadoestanho.com/)



Para finalizar, vou mostrar algumas fotografias com os produtos que a Quinta do Estanho me enviou.
Posso dizer que, ao abrir a caixa enviada, um sorriso instalou-se no meu rosto e não mais de lá saiu.

E é fácil de perceber porquê! Pois quem não gosta de receber produtos de qualidade inestimável?





O meu muito obrigada à Quinta do Estanho pela simpatia e pelos produtos fantásticos que me enviaram. 

Por fim, posso dizer que é de louvar a qualidade destes produtos e que estou desejosa de fazer receitas com eles para, mais tarde, partilhar convosco.



Imprimir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...